INTERNACIONALNotíciasÚltimas Notícias

Sem sobreviventes: Queda de um avião ucraniano no Irã – Confira

Sem sobreviventes: Queda de um avião ucraniano no Irã - Confira
Sem sobreviventes: Queda de um avião ucraniano no Irã – Confira – Reprodção

Sem sobreviventes: Queda de um avião ucraniano no Irã – Confira.

A queda de um avião ucraniano perto da capital do Irã causou a morte de todas as pessoas que seguiam a bordo, de acordo com as autoridades de emergência iranianas.

Seriam, pelo menos, 170 pessoas. As primeiras informações indicam problemas mecânicos como causas do acidente.

Pelo menos 170 pessoas, entre passageiros e tripulantes, seguiam a bordo do Boeing 737, que caiu pouco depois de decolar do Aeroporto Internacional Imam Khomeini, em Teerã. O avião tinha como destino a capital ucraniana Kiev.

A Cruz Vermelha iraniana adiantou que não há sobreviventes.

Segundo informação divulgada anteriormente pela televisão estatal iraniana, 180 pessoas seguiam a bordo.

O governo ucraniano já anunciou a criação de um grupo para investigar o acidente.

“O avião caiu cinco minutos depois de decolar, disse o porta-voz da aviação civil Reza Jafarzadeh. “O piloto não teve qualquer contato com a torre de controle e não anunciou qualquer situação de emergência antes do acidente”, acrescentou.

O aparelho da Ukraine International Airlines caiu em área agrícola, a sudoeste de Teerã, onde foi mobilizada uma equipe de investigação.

Confira o vídeo do acidente que circulou na agência de notícias Isna. Mostrava um avião em chamas ainda no ar:

Passageiros

Reza Jafarzadeh, porta-voz da Organização de Aviação Civil do Irã, disse à televisão estatal que a aeronave transportava 167 passageiros e 9 tripulantes.

O ministro ucraniano de Relações Exteriores, Vadym Prystaiko, afirmou que no voo havia passageiros de 7 nacionalidades: 82 do Irã, 63 do Canadá, 11 da Ucrânia (9 tripulantes), 10 da Suécia, 4 do Afeganistão, 3 do Reino Unido, e outros 3 da Alemanha.

*Emissora pública de televisão de Portugal

Veja também: Planeta parecido com a Terra em zona ‘habitável’ é descoberto pela Nasa

Com informações da Agência Brasil e G1

TAGS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar