Vitória goleia, se afasta da Z4 e decreta queda do Figueirense

Autor: Tribuna da Bahia

Publicada em


Foto: Romildo de Jesus
Foto: Romildo de Jesus

Para o Vitória, nem o empate servia. Era vencer ou vencer, na tarde deste domingo (20/11), no Barradão, em Salvador, e empurrar de vez o

Figueirense para o rebaixamento, aproveitando para se manter fora do Z-4, no Campeonato Brasileiro Série A.

E logo aos 7 minutos Kieza acertou a trave de Gatito Fernández. Aos 18 minutos foi a vez de Marcelo exigir uma defesa em dois tempos do goleiro do Figueira, mas aos 22 minutos Willians Faria acertou um tirambaço. A bola ainda bateu na trave antes de estufar as redes. Vitória 1 x 0 Figueirense.

A partir daí, o que se viu foi o time visitante tentando sair no desespero, apostando em bolsas esticadas, e o Rubro-Negro baiano mais compacto, com controle da partida, mas perdendo várias oportunidades.

O segundo gol dependia apenas de mais capricho, e ele veio logo aos 37 segundos do segundo tempo. Zé Love, de primeira, aproveitando sobra da zaga, após cruzamento. Vitória 2 x 0 Figueirense.

Estava fácil, faltava Kieza desemcabular. E o atacante desemcabulou aos 12 minutos, marcando seu nono gol na Série A deste ano, em jogada que envolveu Zé Love e Marinho. Vitória 3 x 0 Figueirense.

Cheiro de goleada, porque o Vitória ainda tinha Marinho em campo. O Barradão esperava o quarto gol. E foi mesmo de Marinho, aos 16 minutos, de pé esquerdo. A bola fez uma curva impossível de ser acompanhada pelo goleiro Gatito Fernández. Vitória 4 x 0 Figueirense.

Mas aí o técnico Argel Fucks tirou Marinho, substituído por Tiago Real, e o Vitória puxou o frieo de mão, embora precisasse melhorar o saldo de gols.