Secretaria da Saúde promove mutirão de mamografias em Camaçari

Em parceria com a prefeitura do município, o objetivo é fazer o diagnóstico precoce do câncer de mama, ampliando assim a chance de cura.

Autor: N1 BAHIA

Publicada em


Cerca de 5 mil mulheres de 50 a 69 anos realizarão mamografias em Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), até 13 de abril, por meio do Programa Saúde sem Fronteiras, uma iniciativa da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab). Em parceria com a prefeitura do município, o objetivo é fazer o diagnóstico precoce do câncer de mama, ampliando assim a chance de cura.

O secretário da Saúde do Estado, Fábio Vilas-Boas, esteve em Camaçari, nesta terça-feira (22), e destacou a importância da ação. “Estamos levando, cada vez mais, serviços considerados de difícil acesso para a população. O câncer de mama é o segundo tipo mais frequente no mundo e é o mais comum entre as mulheres, respondendo por 22% dos casos novos a cada ano. E quando é diagnosticado precocemente e tratado oportunamente, as chances de cura chegam a 95%”, ressalta o secretário.

Segundo o prefeito de Camaçari, Ademar Delgado, a ação – que teve início na segunda (21) – já atendeu 180 mulheres, mas haverá um reforço na divulgação, pois a capacidade de atendimento alcança 210 pessoas. “Este é um programa importante porque leva a saúde mais próximo das pessoas. Estamos abertos a novas parcerias com a Secretaria da Saúde do Estado”.

Saúde sem Fronteiras

Planejado para ofertar serviços de rastreamento do câncer de mama, oftalmologia, odontologia e doação de sangue a diversos pontos da Bahia, o Programa Saúde Sem Fronteiras foi lançado em 2015. Com investimento anual de até R$ 40 milhões, as iniciativas, antes isoladas, foram integradas e ganharam atenção redobrada. Além do atendimento tradicional em unidades fixas, o Saúde sem Fronteiras ampliou o número de veículos para 17 (carretas e ônibus) e beneficiou mais de 125 mil pessoas apenas no ano passado.