Rodoviário que atropelou investigador de polícia na Av. Paralela é preso

Autor: N1 BAHIA

Publicada em


Reprodução/Record TV Itapoan

 

Salvador

O motorista de ônibus Ricardo Aguiar Campos, de 27 anos, que atropelou e matou o investigador Jason Araújo de Santana, 55, na noite de domingo (12), foi preso por investigadores da equipe de reforço da Central de Flagrantes, em sua residência, no bairro Sete de Abril, nesta segunda-feira (13).

O atropelamento ocorreu numa das faixas da Avenida Luís Viana Filho (Paralela), no momento em que Ricardo, que dirigia um coletivo da empresa Salvador Norte, ultrapassou o investigador Jason, que pilotava sua motocicleta.

Na Central de Flagrantes, o rodoviário disse que estava a 55 km por hora, quando ouviu um baque, mas ao olhar pelo espelho retrovisor do coletivo não percebeu nada de errado e continuou a viagem. Os policiais chegaram até ele ao analisarem imagens de câmeras localizadas na avenida.

Ricardo foi autuado em flagrante por homicídio culposo, pelo delegado Jesus Pablo Barbosa, que estava no plantão da Central de Flagrantes. Ele já seguiu para a audiência no Núcleo de Prisão em Flagrantes do Poder Judiciário (NPF).

O investigador Jason era lotado na Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR). Em 29 anos atuando na Polícia Civil, ele já passou pela Coordenação de Polícia Interestadual (Polinter) e pela 1ª Delegacia Territorial (DT), nos Barris. O coletivo será periciado no Departamento de Polícia Técnica (DPT).