Preso o pai que estuprava há um ano a filha de 12

Autor: N1 BAHIA

Publicada em


Acusado de estuprar a própria filha de 12 anos, o pedreiro Gildo dos Santos, 38, teve o mandado de prisão preventiva cumprido, na quarta-feira (20), por uma equipe da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam), de Teixeira de Freitas. Ele foi denunciado pela companheira e mãe da menina que flagrou o abuso.

Interrogado pela titular da Deam/Teixeira de Freitas, delegada Kátia Garcia, o pedreiro confessou o crime, confirmando que mantinha relações sexuais com a filha desde quando ela tinha 11 anos de idade. Também ouvida pela delegada, a menina confirmou que era forçada a manter relações sexuais com o pai, há um ano.

DENÚNCIA

Na sábado (16), a mulher saiu de casa para fazer compras e, ao retornar, presenciou o momento em que Gildo deixava o quarto da filha. Quando entrou no aposento notou que a menina estava com as pernas com vestígios de esperma. Imediatamente, ela foi à Deam e denunciou o marido por estupro.

Segundo a mulher, ao desconfiar que seria preso pelo abuso, Gildo planejou fugir para Vitória, no Espírito Santo, mas foi preso antes disso. Ele está custodiado na carceragem da 8ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin), de Teixeira de Freitas, à disposição da Justiça.