Presivão para o final de julho é de tempo firme no interior e chuvas no litoral

Autor: N1 BAHIA

Publicada em


As condições do tempo na Bahia para esse último final de semana do mês de julho não deverão sofrer mudanças significativas, pois uma massa de ar seco ainda domina praticamente todo o interior do Estado. A atuação desta é mais evidente nas regiões Oeste, São Francisco e Norte, onde deverá manter os dias ensolarados e com grande variação térmica ao longo do dia. Isto significa que as temperaturas serão elevadas no período da tarde, com máximas de até 34°C, e amenas durante a noite, com mínimas de até 15°C.

Outro reflexo da permanência dessa massa de ar é a redução da umidade relativa que, no decorrer do dia, pode ficar abaixo de 30% em algumas localidades, sobretudo no Oeste e São Francisco. Tal situação caracteriza estado de atenção, o que requer alguns cuidados, tais como: Evitar exercícios físicos ao ar livre entre 11 às 15h, umidificar o ambiente através de vaporizadores, toalhas molhadas, recipientes com água, molhamento de jardins, sempre que possível permanecer em locais protegidos do sol, áreas vegetadas e consumir água a vontade. Ressalta-se ainda que, esse tempo quente e seco também está favorecendo no aumento do risco de ocorrer queimadas nessas áreas.

Para a Chapada Diamantina e Sudoeste, onde essa massa de ar também está atuando, porém com pouca intensidade, as maiores possibilidades de ocorrer chuvas são nas localidades mais a leste dessas regiões, onde a umidade vinda do Oceano Atlântico poderá favorecer o aumento da nebulosidade. As temperaturas ainda deverão ser típicas de Inverno, com mínimas chegando aos 13°C. Esse tempo frio e úmido continua contribuindo para a formação de neblina, principalmente, durante a noite e nas primeiras horas da manhã, o que requer atenção redobrada durante esse período.

Por outro lado, algumas mudanças no tempo são esperadas na faixa leste, principalmente, a partir do sábado, quando uma frente fria irá se deslocar pelo sul da Bahia em direção ao Oceano, intensificando os ventos, trazendo mais umidade e, consequentemente, chuvas, sendo essas mais frequentes nas localidades mais próximas ao litoral do Sul e Recôncavo baiano. É importante frisar que, devido à intensificação desses ventos, o mar ficará agitado durante o período. Com isso, recomenda-se cautela aos banhistas, pescadores, bem como, pequenas embarcações. As temperaturas nessa faixa deverão variar entre mínimas de 16°C (no Sul) e máximas de 31°C (no Nordeste).

Para a capital baiana e região metropolitana, onde as temperaturas permanecerão estáveis (oscilando entre mínimas de 21°C e máximas de 28°C), a previsão é de céu nublado a parcialmente nublado com chuvas em parte do período.