Prepare o bolso! Preço da cerveja vai subir na Bahia; saiba porque

Autor: Com informações do Varela Notícias

Publicada em


Quem está acostumado a beber uma cerveja gelada vai ter que preparar o bolso. Consumir bebida alcoólica na Bahia vai ficar mais caro. Alguns ambulantes já não estão mais vendendo três latinhas de cerveja por cinco reais, mas sim três por seis. O preço vai subir ainda muito mais.

O aumento para o consumidor vai acontecer porque a Assembleia Legislativa aprovou em 16 de junho o aumento do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) para bebidas frias. Além das cervejas, os refrigerantes também estão cerca de 8,5% mais caros.

Segundo o projeto aprovado pela Assembleia, as empresas contempladas com incentivos fiscais devem pagar, a título de depósito no Fundo Estadual de Combate e Erradicação da Pobreza (Funcep), o equivalente a 10% do ICMS cobrado nas operações de venda e não repassado ao Estado em função do benefício concedido na época da implantação dos empreendimentos.

Em breve os bares, restaurantes, supermercados e revendedores informais de cerveja precisaram repassar o aumento para o consumidor. Para driblar a elevação do preço das bebidas e conseguir fidelizar os clientes, alguns bares e restaurantes apostam em promoções e descontos.

Para o proprietário de um bar e distribuidora de bebidas no bairro da Pituba, João Mendonça, o aumento do ICMS agrava a situação do setor na Bahia.Ele informou que ainda não recebeu o repasse do aumento do ICMS das fábricas. Mas assim que o preço na fonte aumentar, ele vai precisar alterar o preço final do produto em seu estabelecimento.