Atriz da Globo tem fotos íntimas vazadas por “colega de equipe” durante gravação

Autor: N1 BAHIA

Publicada em


Foto: Reprodução

A atriz Paolla Oliveira teve fotos íntimas vazadas nas redes sociais. De acordo com informações preliminares, as imagens foram feitas de forma ilegal em um set de gravações em São Paulo, para a série “Assédio”, que é uma co-produção entre Globo e O2 Filmes.

A principal suspeita é de que as imagens foram feitas por algum profissional presente nas gravações.

Os cliques foram feitos durante uma cena que aparenta ser de romance, na qual Paolla aparece de lingerie e tirando a calcinha. A atriz usava um tapa-sexo, no momento da gravação.

As fotos circularam no WhatsApp de vários profissionais da emissora. O caso foi denunciado e a Globo prometeu tomar as medidas necessárias. A emissora já abriu uma apuração na empresa, mas pretende contar com a ajuda da polícia no caso.

A atriz se pronunciou em seu perfil no Instagram e afirmou que as “autoridades já foram acionadas para punir esse “criminoso”.

“ATÉ QUANDO? Até quando a invasão da privacidade de um ser humano, o desrespeito a um ambiente de trabalho e a atitude desonesta de trair a confiança de colegas de trabalho serão tratados como um ato de esperteza em nossa sociedade? Esta é a pergunta que me faço e gostaria de compartilhar com todos. Sou atriz e estou trabalhando em uma série que se chama Assédio, uma produção da Globo com a O2 Filmes. Em um ambiente controlado, fechado e profissional, um criminoso (não há outra palavra que o defina – pois o que foi feito é crime) resolveu fazer fotos clandestinas de um momento mais sensual da série e divulgar em redes sociais.

O que para mim é trabalho se transformou em oportunidade para alguém tentar tirar vantagens. O que esta pessoa ganhou com isso? Dinheiro, fama, cliques, likes, popularidade? Pouco importa. Pois o que ele (ou ela) fez para obter isso é crime previsto na lei. Em um momento em que todos estamos buscando uma sociedade mais correta, não há mais espaço para considerarmos esperteza o que é um desrespeito. As autoridades já foram acionadas para que esta atitude seja punida exemplarmente, e qualquer pessoa possa trabalhar dignamente, sem correr o risco de ter a sua intimidade exposta, explorada, desrespeitada por invasores, covardes e criminosos”, postou a atriz.

 

Veja post na íntegra:

ATÉ QUANDO? Até quando a invasão da privacidade de um ser humano, o desrespeito a um ambiente de trabalho e a atitude desonesta de trair a confiança de colegas de trabalho serão tratados como um ato de esperteza em nossa sociedade? Esta é a pergunta que me faço e gostaria de compartilhar com todos. Sou atriz e estou trabalhando em uma série que se chama Assédio, uma produção da Globo com a O2Filmes. Em um ambiente controlado, fechado e profissional, um criminoso (não há outra palavra que o defina – pois o que foi feito é crime) resolveu fazer fotos clandestinas de um momento mais sensual da série e divulgar em redes sociais. O que para mim é trabalho se transformou em oportunidade para alguém tentar tirar vantagens. O que esta pessoa ganhou com isso? Dinheiro, fama, cliques, likes, popularidade? Pouco importa. Pois o que ele (ou ela) fez para obter isso é crime previsto na lei. Em um momento em que todos estamos buscando uma sociedade mais correta, não há mais espaço para considerarmos esperteza o que é um desrespeito. As autoridades já foram acionadas para que esta atitude seja punida exemplarmente, e qualquer pessoa possa trabalhar dignamente, sem correr o risco de ter a sua intimidade exposta, explorada, desrespeitada por invasores, covardes e criminosos. #AteQuando

A post shared by Paolla Oliveira (@paollaoliveirareal) on

Esses vazamentos estão virando atos recorrentes nas gravações da rede. Recentemente, a também atriz Grazi Massafera, teve imagens sem roupa vazadas durante as gravações de “O Outro Lado do Paraíso”.