Novo complexo vai gerar 1.200 empregos na Bahia

Autor: N1 BAHIA

Publicada em


Maior geradora privada de energia do Brasil, a Engie Tractebel Energia assinou protocolo de intenções nesta quarta-feira (24), na sede da Governadoria, no Centro Administrativo, para a implantação do Complexo Eólico na Bahia.

Em sua primeira fase de implantação, o empreendimento vai demandar um investimento da ordem de R$ 1,7 bilhão, com a geração de 1,2 mil empregos. O projeto vai ocupar uma área de 44 mil hectares e as obras deverão ser iniciadas já em setembro. Campo Largo é o maior investimento da Engie em energia eólica no Brasil.

De acordo com o governador Rui Costa, os investimentos em energia eólica vem transformando o semiárido baiano. “Um exemplo é a cidade de Caetité, que se transformou com a energia eólica. Os hotéis duplicaram de tamanho, surgiram novas pousadas, restaurantes e lojas; a cidade mudou o perfil. A região norte também vai passar por essa transformação positiva. Nós já temos em Jacobina uma fábrica de torres. E a nossa combinação é que todo o serviço contratado, inclusive de construção civil, seja da Bahia, desde que dentro de uma relação de preço compatível com o mercado”, disse.

Mão de obra

Segundo Eduardo Sattamini, presidente da Engie Energia, a maior parte da mão de obra começa a ser treinada agora. “Houve a venda desse complexo no mercado regular, para as distribuidoras, e o nosso compromisso é que, a partir de primeiro de janeiro de 2019, a gente tenha os contratos remunerando essa energia. A maior parte da mão de obra começa a ser treinada já desde agora”, explica.

Potencial

Presente ao evento, o secretário de Desenvolvimento Econômico, Jorge Hereda, destacou que o segmento Eletricidade e Gás foi o responsável pela maior parte dos investimentos implantados no primeiro semestre deste ano: um total de R$ 1,8 bilhão, com 21 usinas eólicas implantadas no semiárido baiano e mais 491.900 kW adicionados à rede elétrica. “A Bahia tem hoje um total de 68 usinas em operação e mais de 1,71 GW em potência instalada, ocupando a segunda posição na produção de energia eólica”, destaca Hereda.

Como cadastrar o currículo

As pessoas interessadas em fazer parte da empresa, podem cadastrar curriculos para os futuros procesos seletivos. Para isso, é necessário acessar o site da Engie Tractebel