Homem é atingido por ácido pelo companheira em Salvador

Autor: N1 BAHIA

Publicada em


Agressões com ácido têm se tornado cada vez mais comum em Salvador. O mais recente caso ocorreu no bairro da Ribeira, quando um homem foi vítima do próprio companheiro. Eles moravam nos fundos de uma casa, no final do beco. O imóvel pertencia ao homem mais velho, de 32 anos, acusado de cometer o crime.

A mãe do suspeito, que mora ao lado, conta como era a relação do filho com o ex-companheiro, de 27 anos.

— Nunca aprovamos porque ele agride.

A aposentada diz que desde que o filho começou a morar junto com Tiago Lima Soares, a família não teve mais sossego. Após várias desavenças e ameaças, o relacionamento, por pouco, não terminou em tragédia.

Tiago procurou o HGE (Hospital Geral do Estado) para tratar de ferimentos. Na unidade, os médicos constataram que as queimaduras foram provocadas por ácido. A polícia agora investiga o caso.

De acordo com a família de um dos rapazes, eles mantinham um relacionamento de oito anos.  Os dois não estão mais juntos e não voltaram para casa depois da agressão.  A mãe do dono da casa não esconde o medo de que novas brigas possam acontecer.