Bahia perde em casa e se afunda em crise

Autor: iG

Publicada em


O Bahia voltou a perder pela Série B do Campeonato Brasileiro nesta terça-feira. Pela 15ª rodada, o time de Guto Ferreira foi derrotado pelo Vila Nova por 1 a 0 na Fonte Nova e já chega a seis derrotas nos últimos sete jogos.

Nas últimas rodadas o Bahia – que tem uma das maiores folhas salariais da Série B – acumulou derrotas consecutivas para Criciúma, Londrina, Tupi e Brasil de Pelotas, venceu o Oeste, e voltou a perder na última partida, dessa vez para o Ceará.

Com mais uma derrota, o time baiano segue com 20 pontos, agora na nona colocação. O Vila Nova, com a mesma pontuação, fica em décimo porque tem saldo de gols zero, contra seis do adversário.

Em um primeiro tempo de poucas emoções, o Bahia começou mais presente no campo de ataque, mas não conseguiu transformar essa superioridade em oportunidades de gol.

Sempre procurando o artilheiro Hernane com bolas pelo alto, principalmente vindas dos pés de Renato Cajá, o time da casa exagerou nos levantamentos, mas não levou vantagem sobre a alta e bem postada defesa do Vila Nova.

Pouco antes do intervalo, o time goiano respondeu com descidas perigosas que obrigaram o goleiro Jean a praticar belas defesas.

A pressão do Vila Nova continuou após o intervalo e o gol saiu aos dez minutos do segundo tempo. Jean Carlos cruzou da esquerda e o baixinho Fabinho apareceu sozinho para completar de cabeça e marcar seu quinto gol nesta Série B.

O Bahia tentou responder e adotou uma postura mais ofensiva, especialmente após a entrada do experiente Thiago Ribeiro, mas seguiu sofrendo com a falta de poder de finalização de seus atacantes. Sob vaias da torcida e pedidos de reforços para a diretoria, o time da casa conheceu sua sétima derrota na competição.

O Bahia volta a campo na sexta-feira dia 15 de julho, às 21h30, quando enfrenta o Sampaio Corrêa no Castelão, em São Luiz (MA), pela 16ª rodada da Série B. No sábado (16) às 16 horas, o Vila Nova enfrenta o Brasil de Pelotas em estádio ainda a definir.

O ex-presidente Marcelo Guimarães usou o Twitter para criticar a atual diretoria do Tricolor.